Como precificar meu Airsoft Usado?

Como definir o preço do meu Airsoft

Vendendo o seu Airsoft Usado

  1. Limpe ou revise seu Airsoft para aumentar seu valor.
    * Um airsoft revisado é bem mais fácil de vender e apreçar de forma competitiva. Se você pode fazer reparos leves, faça-o agora. Deixá-los como responsabilidade do comprador diminuirá bastante o valor da venda.
    * Teste o produto para garantir-se de que ele ainda funciona, se possível grave seu funcionamento.

  2. Confira os preços de um modelo parecido na internet.
    Vá na internet e observe alguns dos modelos atuais. Entre os produtos novos, descubra entre quais deles o seu se encaixa. Por exemplo, se seu produto é muito antigo e não tem mais no mercado, procure por algo parecido, mesma plataforma, até mesmo de outro fabricante se for necessário.
    * Procure por itens tão parecidos quanto possíveis aos seus.
    * Se você conhece informações sobre fabricante, modelo ou materiais usados, busque por qualidade similar. Se você não sabe qual era o preço original do produto, esta é a melhor forma de começar.

  3. Você pode vender a maioria dos produtos por 70 a 80% de seu preço original.
    A forma mais fácil de idealizar um preço é diminuir 20% do valor de sua compra. Isso é considerado um padrão da indústria e é um guia razoável para airsoft usados de boa qualidade. No entanto, observe que se trata apenas de uma diretriz básica. Você pode personalizar o preço de acordo com diversos outros fatores, como explicado abaixo. Digamos, por exemplo, que você tenha comprado uma M4 por R$ 1.500 alguns anos atrás e quer se livrar dela:
    * A M4 está em boa condição e não foi comprada há muito tempo — você decide que 80% é uma porcentagem justa.
    * Multiplique R$ 1.500 por 80% ou 0,8 — 1.500 × 0,8 = 1.200.
    * R$ 1.200 será o preço inicial que você pedirá pela M4.

  4. Compare a condição atual do produto com a de quando ele foi comprado.
    Quando você deve subtrair 30% e quando deve subtrair apenas 20%? O fator mais importante nesse caso é a condição física do bem. Caso ele esteja praticamente na mesma condição de quando foi comprado, você poderá vendê-lo por um preço 20% inferior ao valor de compra. No entanto, se ele tem riscos, arranhões, amassados, está cheio de folgas ou tem outros problemas, você pode considerar uma diminuição de 30% ou MAIS. De modo geral, quanto maior o seu tempo de posse, por menos você poderá vendê-lo.
    * Se você comprou uma linda AK47 por R$ 3.000 e ela está em condição intacta, provavelmente será possível vendê-la por R$ 2.400.
    * Se ela estiver desbotada, envelhecida, faltando peça ou com arranhões e riscos, pode ser melhor apreçá-la entre R$ 1.800 e R$ 2.100.

  5. Subtraia mais 5% por cada um ou dois anos de uso do produto.
    Uma G36 de dez anos, por exemplo, pode ser vendida a apenas 50% do valor inicial de compra. Airsoft, assim como outros produtos, perdem seu valor com o tempo. A menos que se trate de uma relíquia extraordinária, você terá que reduzir mais do preço original para cada ano que se passa.

  6. Preste atenção à qualidade e fabricante do produto.
    Você não precisa ser um armeiro para conhecer um bom produto. Airsoft de qualidade fabricados por empresas de renome podem suportar o tempo e ter sua estrutura sempre justas. Se esse não for o caso, prepare-se para fazer uma venda bem mais barata do que o valor de compra. No entanto, se o produto parece em perfeito estado, você talvez consiga vendê-lo a um preço mais próximo do original.
    * Airsoft de marcas baratas geralmente serão vendidos a preços bem inferiores aos originais, às vezes podendo chegar a R$ 40,00 a R$ 200,00. Isso geralmente acontece porque não são feitos para resistirem por muitos anos, por serem fabricados em materiais econômicos.
    * Se você observa um plástico muito mole e poucas peças de metal, é provável que se trate de um airsoft barato.

  7. Disponha-se a negociar.
    É bastante improvável que você não tenha a chance de discutir o preço. Se isso acontecer, é importante que você saiba algumas coisas antes da negociação. Ter uma estratégia bem definida antes da barganha é a melhor forma de conseguir um bom preço:
    * Menor preço possível: Determine esse valor agora, para não ter que fazê-lo no momento da negociação.
    * Preço preferido: Que valor você deseja conseguir, com base no preço original e em seu desejo de se livrar do bem.
    * Preço pedido: Pode ser idêntico ao preferido. No entanto, você pode pedir algo mais alto, na esperança de que alguém queira muito o produto em questão.
    * Gastos de frete: Quem pretende pagar o frete do produto? Isso deve ser definido de forma antecipada à venda.

  8. Busque uma avaliação profissional.
    Às vezes, airsofts antigos valem muito mais do que seu valor original. A menos que você seja especialista no ramo ou está disposto a fazer muitas pesquisas com produtos similares, preços de venda anteriores e possibilidades de restauração, é importante contratar um profissional. Se possível, informe o ano, a marca e o modelo do airsoft ou, pelo menos, de onde ele veio.